Política

Vice-governador ministra palestra para turma do curso de operações especiais da Polícia Civil de Minas Gerais

O vice-governador Professor Mateus ministrou, nesta quinta-feira (18/1), palestra para alunos da quinta turma do Curso de Operações Estratégicas (COP) da Polícia Civil de Minas Gerais. O objetivo é oferecer aperfeiçoamento tático aos agentes de segurança pública, habilitando-os física e psicologicamente para o cumprimento de missões especiais. 

A ação realizada na Academia de Polícia Civil de Minas Gerais (Acadepol) contou com a participação de 80 convidados, entre eles a chefe da Polícia Civil de Minas Gerais, delegada-geral Letícia Gamboge, chefes de departamento e autoridades.

Com o tema “Gestão aplicada e constitucionalidade na ação policial”, o vice-governador ressaltou a confiança da população nas forças de segurança do estado. 

“Nós, mineiros, temos todos os motivos para nos orgulhar do estado que temos. E grande parte desse orgulho passa pelo fato de, talvez, ainda sermos um dos poucos estados em que todos os moradores confiam na polícia. O fato de enxergarmos nas nossas estruturas de segurança o refúgio de quem age bem e faz o correto. Isso é um reconhecimento do trabalho policial, o qual vejo com muito orgulho”, destacou o Professor Mateus. 

Após a palestra, o vice-governador vistoriou as instalações da Acadepol. A delegada-geral Letícia Gamboge agradeceu a presença do vice-governador. 

“Tivemos a alegria de receber o Professor Mateus, que palestrou com excelência aos alunos do COP, que visa a formação dos novos integrantes da nossa coordenação de recursos especiais da Polícia Civil de Minas Gerais. Eu gostaria de agradecê-lo pela palestra e por, neste momento, estar conosco na Academia de Polícia e conhecer nossa estrutura”, disse.

Atuação

Estão inscritos no COP policiais civis de todo o estado de Minas Gerais, além de policiais de outras instituições de segurança pública, inclusive de outros entes federativos que se habilitaram no processo seletivo. 

Se aprovados, os policiais inscritos no quinto COP estarão aptos a ingressarem na Coordenação de Recursos Especiais (Core) da PCMG, que constitui o grupo tático da Coordenadoria de Operações Estratégicas (COE). 

Entre as atribuições do COE, está o apoio operacional em situações especiais, que exige gerenciamento de crise, como resgate de reféns, cumprimento de mandados de alto risco, assaltos a bancos, patrulhamento em área de risco e entre outros.

Comments

comments

rdportari

Jornalista, professor universitário, Dr. em Comunicação

%d blogueiros gostam disto: