Mulher é agredida enquanto trabalhava em salão no Centro

Uma trabalhadora de salão de beleza foi agredida por outras duas mulheres – mãe e filha – na manhã do último sábado enquanto estava em seu local de serviço. E a briga se deu por conta de uma desavença anterior entre a vítima e as autoras, 15 dias antes, em uma confraternização entre amigos que terminou em desentendimento entre elas.

Passadas duas semanas, as autoras foram até ao local de trabalho da vítima, na avenida Coronel Delfino Nunes, e começaram uma discussão que evoluiu para uma nova agressão. A proprietária do local, informada da briga, foi tentar apaziguar os ânimos e não teve sucesso. Além de ter arranhado a vítima durante as agressões, as autoras ainda quebraram um aspirador de pó e uma cabine de LED de cor branca do salão, deixando a proprietária do local no prejuízo.

A polícia foi acionada para registrar a ocorrência e as autoras identificadas. A vítima foi orientada sobre como proceder para representar contra as agressoras junto à Polícia Civil. O caso segue agora na esfera judicial.

Rodrigo Portari

Jornalista, doutor em Comunicação.

%d blogueiros gostam disto: