Projeto da UEMG distribui mais de 220 kits de higienização em Frutal

As ações do projeto de auxílio ao enfrentamento à COVID-19 em Frutal realizou mais distribuições de kits de assepsia para população carente do município, atendendo moradores dos bairros mais afastados da cidade e os transportadores escolares que estão levando os materiais didáticos para as crianças na zona rural.

Até o momento o projeto já distribuiu 125 kits contendo sabonete líquido (500ml), álcool 70% glicerinado para assepsia das mãos (500ml), 1 litro de solução de cloro ativo para desinfecção de superfícies e objetos, além de 2 barras de sabão de álcool para limpeza geral.

Também foram distribuídos 100 kits contendo álcool glicerinado para as mãos (500ml) e 2 litros de solução de cloro ativo para desinfecção de superfícies e objetos. O projeto ainda produziu material de assepsia para ser utilizado por setores da própria universidade.

Foram beneficiados de forma direta, até o momento, 100 famílias cadastradas na Secretaria Municipal de Promoção Humana, Projeto Vôlei Frutal, transportadores escolares que prestam serviço à Secretaria Municipal de Educação, Centro Espírita Gilson de Mendonça Henriques (que faz parte das Obras Sociais André Luiz) e a Unidade de Frutal.

Em números, até agora, o projeto já produziu:

140 litros de álcool glicerinado
330 litros de solução de água sanitária
60 litros de sabonete liquido
250 barras de sabão de álcool

O Projeto de Extensão conta com a coordenação da professora Dra. Osania Ferreira, com apoio dos professores Dr. Rodrigo Portari, Dra. Priscila Kalinke, supervisão das químicas, Fernanda de Cássia Guidastre e da Dra. Mônica Sousa Cortes. Além das professoras, a produção do material contou com o apoio e trabalho dos alunos do Mestrado em Ciências Ambientais, Bruna Cássia Rodrigues Guardiano e Pedro Gomes Peixoto.

Na criação da rotulagem dos materiais trabalharam o prof. Dr. Carlos Sabino e a técnica do laboratório de Comunicação, Esp. Daniela Moreira.

%d blogueiros gostam disto: