Noticias

A história do Hospital Frei Gabriel vai virar filme

Isso porque os amigos Vinícius François e Caio Nogueira foram contemplados pela Lei Paulo Gustavo e decidiram produzir um documentário contando a história da unidade hospitalar responsável por salvar as vidas e cuidar da saúde não só dos frutalenses, mas de moradores de outros dez municípios da nossa região.

De acordo com Vinícius François que atua na área do marketing digital, a ideia de fazer o curta-metragem surgiu com o intuito de resgatar um pouco da história e preservar a memória do Hospital. “Queríamos produzir um filme sobre um tema que fosse importante e tivesse impacto na vida de boa parte da população frutalense, foi então que decidimos falar sobre o Frei Gabriel. Queremos tratar sobre o passado, falar do presente e projetar o futuro da unidade hospitalar”.

Ainda segundo Vinícius, a visita feita a direção da Fundação Frei Gabriel foi o pontapé inicial para produção do filme. “Viemos apresentar a ideia à direção do Hospital, mas, lógico que iremos entrevistar muitas outras pessoas como prefeitos, pessoas que participaram ativamente da obra, pessoas que idealizaram o projeto do hospital, entre outros personagens fundamentais na história do Frei Gabriel”.

Já Caio Nogueira, que trabalha como designer gráfico, fala sobre a duração do filme e sobre a importância de apresentar uma visão diferente sobre o Hospital. “Iremos fazer um curta-metragem documental com duração de até 15 minutos que pretende apresentar uma nova visão do Hospital, que muitas vezes é alvo de diversas críticas. E queremos mostrar o outro lado, desejamos enfatizar a relevância do Hospital para toda uma região”.

Os dois foram recebidos pela Presidente interina da Fundação Frei Gabriel, Aline Sgamato, e supervisora hospitalar, Erika Batista, para apresentar o projeto e um pequeno cronograma de filmagem.

Aline reforçou que o Hospital Frei Gabriel está de portas abertas para ajudar no que for preciso na produção do filme. “Ficamos felizes em saber desse interesse deles em contar um pouco da história do Hospital e vamos ajudar a equipe de produção no que for necessário para que o documentário consiga ser o mais fidedigno possível sobre o nosso dia a dia”, finalizou.

Todas as reações:

15Alessandra Chaves Silva, Paulo Maia e outras 13 pessoas

Comments

comments

rdportari

Jornalista, professor universitário, Dr. em Comunicação

%d blogueiros gostam disto: