Política

Apresentado na Câmara Municipal, o projeto de implantação da estação de telessaúde do Hospital Hélio Angotti em Frutal

Com o objetivo de expor o projeto de telessaúde que o Hélio Angotti irá implantar em Frutal, estiveram na tribuna da Câmara, nesta segunda-feira (6), o ex-deputado federal Narcio Rodrigues e o conselheiro do hospital, Dr. Felipe Toledo.

Uma das referências em prevenção e tratamento de câncer no Estado, o Hélio Angotti – de Uberaba – é mantido com recursos do Ministério da Saúde, viabilizados através de emendas parlamentares e por meio do SUS – Sistema Único de Saúde (Governo Federal).

Em discurso na tribuna livre, Narcio destacou a importância dessa unidade que deverá ser implantada o mais rápido possível. Segundo ele, o projeto é uma resposta do hospital a um pedido da comunidade.

Através da Estação da Telessaúde, será possível realizar consultas e até mesmo fornecer diagnósticos de forma muito mais célere. Para isso, a instituição contará com recursos do Ministério da Saúde na ordem de um milhão de Reais por ano.

“Fui convidado para ajudar o hospital na captação de recursos e estou feliz por servir uma causa tão nobre e por Frutal ter sido contemplada. O Hélio Angotti tem permitido ajuda muito o próximo”, disse Narcio.

O conselheiro Felipe Toledo falou sobre os percalços antes do projeto. A iniciativa ganhou força e aprovação do Ministério da Saúde após o período da pandemia em que a área de saúde precisou se adaptar ao momento.

Com a aprovação, o Hospital Hélio Angotti poderá atender mais de 50 municípios, sendo que a diretoria decidiu ter em Frutal a primeira unidade física da telemedicina.

“Por meio desse projeto, será possível realizar consultas especializadas e encurtar o tempo de fornecer um diagnóstico, além de não ter custo de transporte que pesa muito para as secretarias municipais. As pessoas não vão mais precisar sair de algum lugar para ir a Uberaba dentro daquilo que pode ser resolvido na unidade de telemedicina”, declarou. Felipe acredita que a unidade estará operacional a partir de março de 2024.

Comments

comments

rdportari

Jornalista, professor universitário, Dr. em Comunicação

%d blogueiros gostam disto: