Polícia

Homem é morto em latrocínio de celular em Veríssimo

Um homem de 46 anos foi encontrado morto em sua casa em Veríssimo, a 48km de Uberaba, no domingo (6). Ele foi esfaqueado sete vezes, supostamente devido a uma disputa comercial sobre um celular. Três homens foram detidos.

Testemunhas relataram à polícia um óbito na casa da vítima. A companheira da vítima, ao voltar de um baile, encontrou a porta trancada, um cenário incomum, e o rádio ligado. Após forçar a entrada, encontrou o homem morto, com um corte no pescoço e ferimentos adicionais. A polícia foi acionada imediatamente.

A vítima estava na cama, sem vida, sem sinais de luta corporal. A família informou que ele não usava drogas, só bebida alcoólica, e não tinha histórico de violência doméstica.

A filha da vítima informou aos policiais que viu o pai pela última vez em um bar, com um homem alto e moreno. Baseando-se nisso, a polícia foi ao bar, onde o proprietário confirmou que a vítima estava com três homens. Os suspeitos foram localizados e interrogados.

O primeiro suspeito, 32, confirmou estar no bar, mas negou ter ido à casa da vítima. No entanto, mencionou um celular negociado com a vítima e indicou um segundo suspeito, 29, como dono do aparelho.

Um terceiro suspeito, 36, confirmou a presença no bar para negociação de um celular por R$ 200. Após acordo, foram à casa da vítima. Contudo, pagaram R$ 150 e dois suspeitos deixaram o local, restando apenas o terceiro suspeito. Ele afirmou que após beberem, saiu, e a vítima fechou a casa e apagou as luzes.

Imagens de câmeras de segurança mostram um dos suspeitos próximo à casa da vítima às 2h30 e, às 3h, no sentido contrário, com um celular e uma lâmina. O suspeito foi preso e revelou ter arremessado a faca e escondido o celular em seu colchão, ambos apreendidos. Os outros dois suspeitos também foram detidos e conduzidos à delegacia para esclarecimentos.

Comments

comments

rdportari

Jornalista, professor universitário, Dr. em Comunicação

%d blogueiros gostam disto: