BP Bunge Bioenergia oferece vagas com foco no primeiro emprego

O agronegócio gerou 140 mil novas oportunidades em 2021. Segundo dados da CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil), foi o melhor resultado em dez anos e quase quatro vezes mais vagas formais criadas na comparação com 2020. O número corresponde a 5,2% do total de empregos gerados com carteira assinada no Brasil no ano passado, 2,7 milhões.
 

O resultado, além de mostrar a força do segmento para a economia brasileira, reflete a importância das empresas na geração de trabalho em locais, muitas vezes, com baixa oferta de oportunidades e com foco, sobretudo, no primeiro emprego. “As empresas têm um papel social que vai muito além de contratar pessoas. Elas têm um papel de desenvolvimento profissional, de aprimoramento do mercado”, diz Cesar Bresciani, diretor de Recursos Humanos da BP Bunge Bioenergia.
 

É sob essa ótica que a empresa, uma das maiores processadoras de cana-de-açúcar do Brasil, vem atuando para oferecer possibilidades para quem chega ao mercado de trabalho. Entre as iniciativas em prática, estão os programas Jovem Aprendiz e Estágio. O primeiro é voltado a jovens de até 24 anos cursando o ensino médio ou técnico; o segundo é destinado a estudantes do ensino superior, e com cerca de 140 vagas oferecidas em períodos pontuais durante o ano.
 

Matheus Moreira, de 19 anos, está entre os profissionais que integram o grupo de jovens aprendizes. Há oito meses, atua no suporte administrativo produzindo relatórios da operação da usina Moema, em Orindiúva (SP), cidade onde mora com os pais. “Essa oportunidade que a BP Bunge oferece é muito importante para os jovens entrarem no mercado de trabalho”, diz o estudante. “Vou seguir em busca de conhecimento e de uma boa formação acadêmica. Quero ser um profissional qualificado e ainda mais capacitado para a empresa”.
 

Na unidade de Edeia (GO) está Alice Hübner, estagiária de 25 anos e que trabalha na área industrial. Com uma rotina bastante dinâmica, acompanha de perto indicadores e produz levantamentos de atividades relacionadas a materiais e que ajudam na tomada de decisão. “Nada aqui é monótono. É uma oportunidade de aprendizado diário, um mundo real com variáveis reais”, explica a estudante de Engenharia Química. “Uma grande empresa como a BP Bunge muda o nosso olhar e nos prepara para qualquer tipo de desafio”.
 

A construção de uma carreira de sucesso passa também por uma atuação na formação social e humana de cada colaborador, ressalta Cesar Bresciani. “Ao criar oportunidades para inserção de novos talentos, além de formar profissionais, queremos levar progresso para as comunidades”.
 

Presente nos estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo e Tocantins, a BP Bunge Bioenergia conta com 11 unidades agroindustriais:

  • Frutal (Frutal – MG)
  • Itapagipe (Itapagipe – MG)
  • Ituiutaba (Ituiutaba – MG)
  • Santa Juliana (Santa Juliana – MG)
  • Itumbiara (Itumbiara – GO)
  • Tropical (Edéia – GO)
  • Moema (Orindiúva – SP)
  • Ouroeste (Ouroeste – SP)
  • Guariroba (Pontes Gestal – SP)
  • Monteverde (Ponta Porã – MS)
  • Pedro Afonso (Pedro Afonso – TO)

Programa de Estágio

Pré-requisitos:

  • Possuir bons conhecimentos do Pacote Office;
  • Cursar a graduação no período noturno para poder cumprir a carga horária do estágio (6h ao dia, 30h semanais, com tempo hábil para deslocamento entre a residência, a localidade onde atuará como estagiário e a universidade) ao longo dos períodos da manhã e tarde;
  • Ter disponibilidade de residir na cidade ou próximo às localidades onde atuarão;
  • Inscrições: Link.

Programa Jovem Aprendiz

Pré-requisitos:

  • Ensino médio completo ou cursando (neste caso, é obrigatório que esteja matriculado e frequentando a escola);
  • Ter disponibilidade de horário para realizar as atividades teóricas e práticas na instituição;
  • Ter entre 14 e 24 anos incompletos. *a idade máxima prevista não se aplica a aprendizes com deficiência;
  • Possuir os documentos atualizados: título de eleitor, reservista (18 anos e acima), RG, CPF e CTPS;
  • Carga horária diária não pode exceder 6 horas, sendo vedada a prorrogação/compensação de jornada.
  • Inscrições: Link.

Rodrigo Portari

Jornalista, doutor em Comunicação.

%d blogueiros gostam disto: