Minas registra saldo positivo de empregos pelo décimo mês consecutivo

No acumulado do ano até outubro, estado já garantiu a geração de 300.660 postos de trabalho

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, mostram que Minas Gerais registrou em outubro saldo de 21.327 postos de trabalho, decorrente de 185.362 admissões e 164.035 desligamentos. Esse é o décimo resultado positivo do estado na geração de emprego formal. No acumulado do ano até outubro, Minas garantiu a criação de 300.660 vagas de emprego.

Todos os grandes setores de atividade econômica mostraram saldo positivo. Os segmentos que mais contribuíram para a geração de novas vagas de emprego foram o de serviços (13.231), seguido por comércio (5.470) e construção civil (643). O setor de agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura fechou o mês com a criação de 23 novos postos de trabalho. Em setembro, as atividades neste segmento tiveram saldo negativo.

O saldo de outubro é inferior ao registrado no mês de setembro deste ano, quando foram abertos 28.718 postos de trabalho, sendo também menor que o registrado no mesmo período de 2020, quando foram gerados 39.646 novos empregos.

Minas Gerais segue mantendo a segunda posição no ranking nacional de saldos de emprego desde fevereiro, atrás apenas de São Paulo, que gerou 76.952 novas vagas em outubro, e também registrou retração em relação a setembro, quando foram geradas 84.887 novas vagas.

Para a diretora de Monitoramento e Articulação de Oportunidade de Trabalho da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), Amanda Siqueira Carvalho, os dados mostram que a retomada da economia tem ocorrido de forma consistente, já que o número de contratações tem sido superior ao de desligamentos há dez meses consecutivos.

“A recuperação da economia tem sido motivada, sobretudo, pelos setores de serviço e de comércio, que foram muito atingidos no ano passado em função da restrição das atividades de produção e consumo, mas que nos últimos meses são setores com maior criação de vagas líquidas de emprego”, disse.

Tahine Netto

Estagiária do Blog do Portari.

%d blogueiros gostam disto: