Governo de Minas destinará R$ 113 milhões para desobstrução de vias e recuperação de estradas estaduais após chuvas

Um dos principais eixos do plano Recupera Minas, lançado pelo governador Romeu Zema, é a infraestrutura estadual, fortemente afetada pelas chuvas. Serão R$ 113 milhões em recursos estaduais destinados à desobstrução de vias e recuperação de acessos em trechos administrados pelo Estado, além de R$ 50 milhões em linhas de crédito para auxiliar municípios que necessitem de ajuda para intervir em suas vias.

Até o último dia 13/1, o Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas (DER-MG) identificou 597 ocorrências causadas pelas chuvas.

“Teremos medidas fortes em relação à infraestrutura. Muitas estradas foram danificadas e estão em situação de calamidade. Temos mais de cem intervenções nessa última semana, algumas já foram concluídas com a criação de desvios. Outras estão ocorrendo nesse momento. Serão R$ 113 milhões e a prioridade é as pessoas terem condições de ir e vir”, afirmou o governador.

Intervenções

Dentre os trechos que já receberam intervenções estão a MG-329, entre Ponte Nova e Rio Casca, e da MG-262, na entrada do distrito de Furquim, na cidade de Mariana.

“O eixo infraestrutura também receberá bastante recursos. Essas intervenções já estão acontecendo. Das 597 ocorrências, mais de uma centena delas já ocorreu e as outras estão em processo de efetivação. Em algumas é preciso esperar a água recuar”, explicou o secretário-geral do Estado, Mateus Simões.

Linha de crédito

Já para solucionar os problemas nos trechos municipais, o Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) disponibilizará linha de crédito em condições especiais para financiamento de infraestrutura e serviços públicos. Serão R$ 50 milhões para pavimentação, sistemas de abastecimento de água, tratamento de esgoto, drenagem urbana, máquinas e equipamentos. Esse recurso também poderá ser aplicado em reformas e em edificações públicas municipais.

O banco oferecerá carência de 12 meses e até 84 meses para quitação do crédito, ou seja, um prazo maior do que o usualmente concedido pela instituição.

Materiais

Para atender à demanda de materiais para reparação de vias e pontes, o Governo de Minas investirá R$ 15 milhões em doações de vigas e tubulões de forma simplificada às prefeituras mineiras.

“Já doamos R$ 7 milhões em material de infraestrutura para reconstrução de pontes e bueiros e ainda vamos doar mais R$ 15 milhões, então estamos falando em R$ 22 milhões, incluindo recursos para a reestruturação da rede de escoamento de água”, completou Mateus Simões.

Plano Recupera Minas

O plano Recupera Minas foi lançado nesta terça-feira (18/1) após força-tarefa do Estado para mapear os principais danos causados pelas chuvas e criar ações para recuperação dos estragos e danos. Ao todo, serão R$ 600 milhões em recursos estaduais.

Os investimentos estaduais estão divididos em três eixos: auxílio às pessoas, apoio aos municípios e infraestrutura estadual. Um quarto eixo será formado por doações da sociedade civil em que o Governo de Minas dará suporte para que o apoio chegue aos municípios e às pessoas atingidas.

Crédito: DER/divulgação

%d blogueiros gostam disto: