Detalhes do grave homicídio na manhã de hoje em Frutal

inseguranca-publicaA morte registrada na manhã de hoje teve como vítima um trabalhador rural identificado como Henrique, que era oriundo do nordeste e aparentemente trabalhava na Cutrale em Frutal. De acordo com informações das rádios de Frutal, antes de ser morto com nove facadas, a vítima foi perseguida por dois homens que atiravam contra ele. No entanto, nenhum dos tiros acertou Henrique.

Porém, no cruzamento das ruas Prata e Uberaba, ele teria sido alcançado e esfaqueado por nove vezes. Poças de sangue no local dão pistas de que mesmo ferido o homem tentou buscar ajuda, mas, sem sucesso. Assim que o Corpo de Bombeiros chegou já não havia muito o que ser feito. No hospital, o médico José Plínio dos Reis constatou o óbito do rapaz.

De acordo com entrevista do médico enviada pela assessoria de imprensa do Frei Gabriel, a vítima já chegou ao hospital sem batimentos cardíacos ou respiração, além de apresentar outros sinais de morte. Foram encontradas cinco perfurações no torax,  na altura do coração, além de outros ferimentos. “A agressão foi grave e provavelmente foi utilizada uma faca”, afirmou.

No local do crime ainda foi possível encontrar a marmita do rapaz, que foi morto enquanto esperava o ônibus de trabalhadores rurais buscá-lo para o serviço. Amigos disseram que não sabiam se ele tinha inimizades. Em relação à hipótese de reação de assalto, não foi possível confirmar ainda os motivos que levaram os autores a executarem Henrique.

Uma testemunha viu todo o crime e concedeu entrevista ao programa Raio-X, da rádio 102FM. Conforme a pessoa, que preferiu não se identificar, ele teria visualizado Henrique correndo e uma moto andando a seu lado, enquanto ouvia tiros. “Chegou na rua Uberaba, eles pararam de atirar e desceram da moto. Eu ouvi os tiros, mas depois ouvi na rádio que foi esfaqueamento. Assim que eu vi que eles estavam com um revólver na mão, eu recuei e me escondi, para não ser visto”.

Vamos esperar agora a ação da Polícia Civil para esclarecer esse crime.

rf2015d

andreletricista

 

%d blogueiros gostam disto: