Duas mulheres são presas por desacato em Fronteira

A Polícia foi acionada para registrar uma ocorrência na Unidade Mista de Saúde em Fronteira. Uma mulher de 23 anos deu entrada no pronto-socorro com ferimentos, e durante o atendimento, começou a ofender verbalmente os profissionais de saúde que estavam exercendo seu trabalho, além de derrubar os itens da sala propositalmente e arrancar as agulhas e os curativos.

Um policial militar tentou contê-la, mas acabou sendo outra vítima de violência verbal e física. Devido aos fatos expostos, foi dada voz de prisão à autora e uma amiga, de 27 anos, que também ofendeu os envolvidos na situação.

Ao serem conduzidas à Delegacia do município, as duas jovens seguiram com os desacatos, desobediências, resistências e ameaças aos policiais. Agora, elas devem seguir os trâmites necessários junto ao Poder Judiciário.

Tahine Netto

Estagiária do Blog do Portari.

%d blogueiros gostam disto: