Casal se desentende e ambos vão para a delegacia com versões contraditórias

Uma mulher de 19 anos acionou a PM no bairro Princesa Isabel 2 depois de ter sido por seu companheiro, de 21 anos. Ela relatou que o homem chegou em casa embriagado e passou a gritar e ofender a vítima.

A mulher então pediu que ele parasse com as agressões verbais em frente a filha do casal, de apenas 2 anos, e levou a garota para a casa da avó materna, que reside ao lado. Neste momento o homem passou a danificar e quebrar móveis da casa, como um guarda roupas e um ventilador.

Para fazer com que ele parasse de quebrar a casa, a jovem de 19 anos interveio e foi agredida com dois tapas nas costas, momento em que o homem então teria dito a ela que conseguiu fazer o que ele realmente queria.

Já na versão do homem, relatada aos policiais, ele alegou que chegou em casa e acordou a esposa dizendo que queria colocar um fim no relacionamento, afirmando que ela teria ficado nervosa e saiu de casa. Ele confirmou que danificou móveis da casa com socos e chutes, mas que parou de fazer isso com a saída da mulher. Ele alega que quando a mulher voltou para casa, ela teria desferido os tapas nas costas dele, já que ele voltou a chutar os móveis com a chegada dela.

Ambos aguardaram a chegada da PM para registro da ocorrência e foram levados à Delegacia para apresentar suas versões dos fatos para o delegado de plantão.

%d blogueiros gostam disto: