Autor de homicídio ainda não foi identificado

Ainda durante todo o dia de ontem a PM realizou buscas a fim de tentar localizar o autor do homicídio registrado ontem, que teve como vítima Júlio César Silva Batista (Porquinho), de 35 anos. Ele foi encontrado com sinais de violência, aparentemente perfurações provocadas por faca, às margens de um córrego da rua Sebastião Jonas Ferreira, no bairro Vila Esperança. Inicialmente acredita-se que o corpo ficou no local por até 12 horas antes de ser localizado.

Várias pessoas com ligações familiares e de amizade com a vítima estiveram no local e foram ouvidas pela PM, sendo que, em determinado momento, denúncias anônimas chegaram aos militares dizendo que a motivação do crime seria uma possível dívida por drogas da vítima com uma outra pessoa.

Rastreamentos foram realizados em diversos endereços na tentativa de encontrar possíveis suspeitos do crime, porém, até o encerramento da ocorrência ninguém foi localizado. O caso está seguindo com a Polícia Civil, responsável pelas investigações da morte de Porquinho.

Sabe-se, conforme informações, que a vítima já tinha passagens anteriores por crimes como furto, lesão corporal, tráfico de drogas, além de tentativa de homicídio.

%d blogueiros gostam disto: