Carlos Roberto quer área do albergue de volta para o município

O vereador Carlos Roberto Silva apresentou uma indicação que promete render muita discussão nos próximos dias: ele quer que a prefeitura reverta um terreno doado para a Loja Maçônica Fraternidade Mineira II, localizado na avenida Goiás e onde funcionava o antigo albergue da cidade, para o patrimônio do município.

==

Munido de uma cópia da lei aprovada em 1975 que doou a área, Roberto afirma que o documento é explícito dizendo que ali só poderia ser construído o albergue e que qualquer desvio de finalidade da área resultaria em sua reversão automática para o município.

==

Roberto destacou, no entanto, que hoje o albergue está fechado e já não serve para mais nada. Além disso, o restante da área, que não foi construída, teria sido locada para uma empresa que fornece postes de iluminação para a Cemig o que, ao ver de Roberto, desvirtua a finalidade inicial da área doada.

==

O vereador quer que após a reversão da área ela seja destinada a uma finalidade social do município, seja como creche, escola ou mesmo habitação popular, já que o terreno todo tem mais de um quarteirão de dimensão e está localizado em uma área de alto valor comercial na atualidade.

==

Enfim, o caso promete render muito ainda.

==

A batalha pela preservação do ISPA continua…

==

À tarde volto com mais uma historieta do amigo Júlio Rangel.

==

==

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: