Mulher registra ocorrência de estelionato contra empresa em Planura

Uma mulher de Planura procurou a Polícia Militar denunciando que estaria sendo vítima de um estelionato. Ela contou que no dia 8 de setembro recebeu ligação de uma representante comercial de uma empresa de “Serviços On Line” solicitando alguns dados da empresa onde ela trabalha sob argumento de fazer atualização cadastral e que, posteriormente, recebeu a cópia de documento para assinar atestando a atualização cadastral.

De acordo com a solicitante, ela não sabia que se tratava de um contrato de prestação de serviços e, portanto, enviou o documento assinado de volta para a empresa. Só depois descobriu que se tratava de um contrato de serviço a ser pago em 12 prestações de R$525.

Dias depois recebeu um telefonema de uma pessoa dizendo ser de um cartório de registro de protestos, dizendo que o nome da empresa estaria sendo protestado por falta de pagamento da primeira prestação que teria vencido em 9 de setembro. A solicitante então entrou em contato com a empresa com quem havia conversado e solicitou o cancelamento do serviço, sendo que disse ter sido enganada pela empresa e que não informaram que o contrato era para prestação de serviços.

A empresa então teria oferecido uma negociação para a mulher, dizendo que cobraria uma multa de 40% no valor total do contrato. A vítima aceitou a negociação e depositou o valor na conta da empresa. Porém, acredita ter sido vítima de um estelionato, registrando a ocorrência para demais providências.

%d blogueiros gostam disto: