Novo Minas Consciente deve ser apresentado dia 29

O programa de retomada gradual da economia desenvolvido pelo Governo de Minas Gerais, o Minas Consciente, passará por uma reformulação e deve ter o novo formato apresentado na próxima quarta-feira (29). A informação foi dada pelo secretário adjunto de Desenvolvimento Econômico do Estado, Fernando Passalio, em coletiva de imprensa.

As alterações serão feitas com base nas sugestões recebidas em uma consulta pública aberta pelo Estado e encerrada na noite dessa quarta-feira (22). Segundo Passalio, houve ampla participação e centenas de sugestões foram recebidas de diversos setores da sociedade.

Agora, as propostas serão analisadas para, conforme o secretário adjunto, criar um novo Minas Consciente. “Novo, mas sem perder sua essência, que teve sucesso no combate à pandemia em todas as macrorregiões onde a adesão dos municípios foi expressiva”, declarou.

Uma das alterações mais pedidas, segundo o que já foi visto das propostas, foi a do modelo de agrupamento dos municípios. No plano atual, as fases de retomada são elaboradas com base na macrorregião, e o pedido de alguns setores, segundo Passalio, é de ampliar o detalhamento e fazer a análise com porções menores de municípios.

O secretário de Saúde, Carlos Eduardo Amaral, também esteve na coletiva e reiterou a importância do Minas Consciente e de sua reformulação neste momento. “Essa revisão já acontecia há um bom tempo, avaliando as dificuldades, limitações e acertos. Agora, a consulta pública vai nos permitir trazer uma nova versão do Minas Consciente, que será mais adaptada, qualificada e duradoura, uma vez que o vírus estará entre nós por um bom tempo”, avaliou.

Atualmente, 254 municípios mineiros estão inseridos no plano, e a adesão tem sido intensa nos últimos dias, segundo revelou Passalio. A expectativa do Estado é que o número aumente ainda mais devido à decisão judicial que determina que os municípios só possam retomar atividades econômicas seguindo o Minas Consciente.

%d blogueiros gostam disto: