Advogado afirma que família foi presa de forma equivocada em investigação de desmanche de caminhões

rochinhaO advogado Ricardo Rocha está defendendo o empresário A.S.M, 62, e seus filhos R.H.M e R.S.M, de 32 e 38 anos, que são suspeitos de integrar um esquema de desmanche de caminhões furtados ou roubados. Em entrevista à Rádio 102FM, ele destacou que seus clientes são inocentes e que foram envolvidos na investigação por meio de uma escuta telefônica.

“Em dezembro isso ficou demonstrado. O nome deles apareceu numa escuta telefônica de uma quadrilha que era investigada. De fato, eles prestaram um serviço, terceirizado, para uma pessoa que, infelizmente, pediu para que eles desmontassem um veículo que era produto de crime. Mas, na primeira investigação no final do ano ficou demonstrado que a atividade deles é lícita e que eles não estão envolvidos com nenhum tipo de ação criminosa. Por isso tenho certeza que conseguiremos provar a inocência deles e que foram envolvidos nessa investigação por acidente”, afirma.

Para Rocha, seus clientes serão inocentados e, mais uma vez, acredita que o nome deles foi envolvido de forma indevida nesse esquema.

%d blogueiros gostam disto: