8 coisas que Frutal tem de bom

Ok. Notícia ruim vende. Sempre vendeu. Aliás, vende toda vez que tem. Seja morte, homicídio, roubo, tentativa de homicídio, estupro, enfim, notícia ruim chama a atenção e sempre irá chamar até mesmo por uma questão cultural que se arrasta desde o século XVI e foi sendo passado de uma pessoa para outra até chegarmos no século XXI. Mas, para quebrar um pouco desse ritmo, resolvi escrever algumas coisas que Frutal tem de bom. Sim, sem política, sem crítica, mas apenas algumas coisas que, como morador daqui, posso dizer que considero ser “bom” em nossa cidade. E não quer dizer que isso é definitivo. E muito menos que é só isso. Mas são só algumas coisas boas das quais vale a pena nos orgulhar. Vamos lá?

VistaAerea_Frutal

1 – Hospitalidade

O frutalense é hospitaleiro. Pode até ser que um ou outro ache que não. Mas grande parte dos amigos e conhecidos que chegam de fora pela primeira vez nessa cidade ficam impressionados com a boa vontade do frutalense em ajudar quem chega de fora. Se brincar muito, a pessoa acaba entrando em casa e tomando um café. Se for final de semana, ainda puxa uns dedos de prosa mais longos. Se for no meio de semana, não custa nada ir na frente com o carro para mostrar onde fica um endereço ou uma rua que está sendo procurada. Sim, a hospitalidade aqui é muito boa!

2 – Ajuda a quem precisa

Frutal é uma cidade solidária. Basta uma campanha em favor de uma instituição ou de uma pessoa que está passando necessidade para que centenas de frutalenses se mobilizem para ajudar. É uma característica e, mesmo nos cenários econômicos mais difíceis, sempre estamos dispostos a ajudar os que têm menos do que a gente.

3 – Igreja Matriz

2910fotodia

A nossa Igreja Matriz é bonita. Depois da reforma que a revestiu de cinza, perdeu um pouco daquele ar nostálgico. Mas ela é bonita, com suas duas torres imponentes. E o interior não fica para trás. É um belo cartão postal, sim senhor! Independente da religião, o aspecto arquitetônico vale muito ser apreciado.

4 – Parque dos Lagos

1002lago

Hoje um ponto de encontro de praticantes de esporte, de entusiastas e de famílias que gostam de passear por ali. Os lagos são bonitos, mesmo que às vezes merecessem um carinho mais especial em um ou outro ponto do parque. E também precisaria de mais segurança durante a madrugada, mesmo que não seja um local frequentado por pessoas de bem, acaba se tornando um esconderijo para quem quer “aprontar”. Mas, em todo caso, sim, o Parque é muito bonito e vale a pena passear por lá durante o dia ou finalzinho de tarde.

5 – Lanchonetes

xtudo

Uma em cada praça, pelo menos, fora as que estão espalhadas em tudo quanto é canto da cidade. Mas, comer um belo Churrasco Tudo ou mesmo o tradicional X-Tudo com uma maionese caseira… não tem igual! A minha dica fica com os lanches do amigo Fernando Lanches, ali na esquina da Viriato Correia com a Minas Gerais. É de dar água na boca!

6 – Prainha

prainha

Tá um pouco longe do centro da cidade, lá em frente à Boa Esperança. Falta um pouco de estrutura, mas tá ali um lugar legal para descansar no final de semana às margens do Rio Grande.

7 – Água Santa

aguasanta

Também carece de estrutura para atender o turismo. Aliás, fora o 12 de outubro, quase não é lembrada. Porém, a mística do lugar e a história da “D. Maria” da Água Santa faz dali um espaço interessante no nosso município. Quem não foi, deveria ir. E, já que fé não se discute, já estive por lá pegando um pouco de água da mina santa também.

8 – Cachoeiras

cachoeira

São muitas pela zona rural de Frutal. Algumas mais perto, outras mais longe. Mas os jovens, em especial os universitários, sabem bem curtir as cachoeiras da nossa cidade. E elas deveriam ser melhor exploradas turisticamente. Aí uma dica interessante.

E vocês? Concordam? Não concordam? O que mais podemos acrescentar nessa lista?

rrochaok

fundo-face1

 

%d blogueiros gostam disto: