Morte por picada de escorpião em Frutal é registrada pela Secretaria Estadual de Saúde

0203escorpiaoO período de chuva forte chegou em Minas Gerais e com ele também veio o mesmo problema de todos os anos: o aparecimento de escorpiões em imóveis residenciais e comerciais. Segundo dados da Secretária Estadual de Saúde, do dia 1º de janeiro deste ano ao dia 23 de fevereiro, 2.543 casos foram registrados no Estado. Desses, duas pessoas morreram nas cidades de Passabém, região Central, e Frutal, no Triângulo Mineiro.

Os principais sintomas da picada são: muita dor na área atingida, sudorese, náuseas, vômitos e taquicardias. O tempo de internação do paciente vai depender do seu quadro de saúde. Em Minas Gerais, o tipo mais comum de escorpião é o amarelo. É o mais potente de toda América do Sul e se reproduz com facilidade.

Apesar de não ter como acabar com o escorpião, algumas medidas podem diminuir o risco de aparecimento dos animais, que são considerados pragas urbanas. Entre elas estão, de acordo com o médico, não deixar acumular entulhos, ensacar lixos, vedar locais que possam servir de abrigos para eles, evitar a presença de baratas, que é um alimento para os animais, colocar telas em janelas e manter ralos fechados.

Outra dica importante é sempre olhas roupas, toalhas e sapatos antes de usá-los.

rrochaok

bardauilslider3

%d blogueiros gostam disto: