Opinião: editor vê um “quase” acidente por barbeiragem de motorista de empresa

Entrada por onde o caminhão se dirigiu e quase provocou o acidente
Entrada por onde o caminhão se dirigiu e quase provocou o acidente

Há pouco presenciei um “quase” acidente grave na rua Senador Gomes da Silva, mais precisamente em frente à entrada de carga e descarga da empresa Tijolar. O motorista de um caminhão de entrega da referida empresa descia pela rua, atrás dele uma Honda Biz e em seguida, eu em meu carro. Ao chegar em frente à garagem, o motorista da empresa simplesmente deu uma guinada brusca à direita e por pouco, muito pouco, a moça que estava com sua Honda Biz não entrou em cheio no meio do caminhão.
Além dela, eu também cravei a mão na buzina, assustado com a irresponsabilidade que poderia ter custado uma vida, porque danos materiais são irrelevantes quando se está diante da vida de um motociclista, que poderia ter se acidentado de forma grave.

A moça, com toda razão, falou cobras e lagartos para o motorista da Tijolar. Esse, por sua vez, deu a entender que estava com a razão. Para piorar a situação, dois funcionários de dentro da empresa riam da situação. Gritei a eles que na próxima eu chamo a PM, mas devo ter sido só mais um que presenciou a barbeiragem. Isso porque passo nesse local, no mínimo, umas 6 vezes por dia.

E já vi de tudo: carro parado na contra mão, carreta de cimento impedindo toda a rua para descarregar, obrigando todos a ficarem ali esperando intermináveis manobras, entre outras infrações de trânsito.  Não sei quem é o proprietário da empresa. Acredito que ele desconheça parte do que acontece ali. Só espero que ele tome providências e capacite melhor seus funcionários. Porque infelizmente, muitos não contam com um canal de comunicação para expor a sua indignação. Felizmente, eu possuo. E faço esse alerta à empresa e a todos que passam por ali: cuidado! Pois a próxima vítima do trânsito nesse ponto da rua pode ser eu ou vocês!

rf2015d

 

Comments

comments

%d blogueiros gostam disto: