Iluminação Pública / Caso Claitinho

Em reunião da Cemig com representantes do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Regional (Convale), foi definido que a companhia deverá realizar reparos e manutenção em toda rede elétrica, antes de entregá-la ao município. Segundo a estatal todos os problemas serão sanados até dia 31 deste mês nos 13 municípios que integram a Amvale.

==

Na maioria das cidades do Brasil, pelo que lemos na Internet, optou-se por fazer uma licitação e terceirizar o serviço de manutenção da rede elétrica no lugar da prefeitura assumir com toda a responsabilidade. Isso porque a manutenção de postes e outros equipamentos ligados à rede elétrica pode trazer sérios riscos para o trabalhador caso ele não esteja altamente qualificado.

==

No entanto, em Frutal, a Prefeitura assumiu a responsabilidade e, inclusive, promoveu um reajuste na Contribuição de Iluminação Pública pensando nos gastos que terá para arcar com toda a responsabilidade.

==

Só para ter uma ideia do quanto tem sido controversa essa questão, em São José do Rio Preto (SP) a prefeitura conseguiu liminar judicial obrigando que a CPFL continue fazendo a manutenção até que todos os problemas do setor estejam regularizados por lá, evitando assim que a Prefeitura assuma o serviço com deficiências. Enfim, o caso é complica e ainda vai ter muito o que se falar sobre isso.

==

E a justiça denunciou os envolvidos no Caso Claitinho, que deverão ir a júri popular pelo assassinato ocorrido no ano passado. Só para relembrar o caso, Claitinho chegou a ser alvejado na esquina da avenida Brasília com a avenida Euvaldo Lodi, sobreviveu, e só morreu num segundo atentado, ocorrido dentro do Hospital Frei Gabriel. A informação foi veiculada hoje pela rádio 97FM.

==

rf2015dpointfishsite

Comments

comments

%d blogueiros gostam disto: