Frutal não atingiu a meta da vacinação contra sarampo

Frutal não atingiu a meta de vacinar 95% do  público-alvo contra o sarampo. O município imunizou 88% das crianças com idade de seis meses e menores de cinco anos, segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde, repassados na sexta-feira (01). A campanha teve iniciou no dia 7 de outubro e segue até 30 de novembro e acontece em todas Unidades Básicas de Saúde de Frutal. A mobilização foi dividida em duas etapas, ou seja, entre os dias 7 e 25 de outubro, foram vacinadas crianças de 6 meses a menores de 5 anos. Entre os dias 18 a 30 de novembro, a vacina será direcionada para pessoas de 20 a 29 anos (dia D em 30 de novembro).

De acordo com a coordenadora da atenção primária da Secretária de Saúde, Suziley Ferreira, em Frutal foram imunizadas 190 crianças desde a abertura da campanha, um número muito baixo em relação ao esperado. “É preciso que os pais se sensibilizem e busquem pelas unidades de saúde para atualizar os cartões de vacinas das crianças. Para se considerar vacinados é necessário tomar duas doses da vacina contra sarampo, e é justamente nas segundas doses que os pais /responsáveis não retornam ao serviço para completar o esquema vacinal, colocando as crianças em risco para contrair a doença”, informa.

Segundo Suziley, a população pode procurar uma UBS mais próxima, pois a vacina é a única forma de prevenção das doenças. “Mais uma vez, pedimos a sensibilização de todos para garantir o direito às crianças de serem vacinadas e assim estarem protegidas contra as doenças, que podem ser prevenidas com a vacina tríplice viral, que são: sarampo, caxumba e rubéola”, destaca. Ela acrescenta que em Frutal foram registrados dois casos de sarampo, portanto fica um alerta para os pais e responsáveis sobre a importância de imunizar as crianças e colocar o cartão de vacina em dia. “Também não podemos esquecer que entre os dias 18 a 30 de novembro, a vacina será direcionada para pessoas de 20 a 29 anos e no dia 30 teremos o dia D”, ressalta.

Surto

O sarampo não era registrado no Brasil desde 2015. O surto está fortemente concentrado no estado de São Paulo, onde há mais de 90% dos casos confirmados este ano no país.

Sarampo

O sarampo é uma doença infecciosa grave, causada por um vírus, que pode ser fatal. A transmissão ocorre quando o doente tosse, fala, espirra ou respira próximo de outras pessoas. É recomendável que nas idades entre 1 e 29 anos cada cidadão tome duas doses. Entre 30 e 49 anos é preciso tomar apenas uma dose.

Comments

comments

%d blogueiros gostam disto: