Notas para sábado

Alguns funcionários demitidos conversaram comigo na tarde de ontem. Alguns deles muito preocupados, já que haviam comprado carro e casa há algum tempo e agora ficaram sem o salário para pagar as prestações. Reflexos que já imaginávamos que ocorreria.

==

E muita gente demonstrou preocupação com essas famílias. Interessante a solidariedade do frutalense quanto ao caso.

==

Porém, acredito que alguns ainda devam ser recontratados por “excepcional interesse público”, uma modalidade de contrato temporário para casos quando o município não pode ficar sem o funcionário porém não há tempo para realização de concurso. Resta saber quantas vagas nessa modalidade serão preenchidas.

==

Roubo a banco, assalto a mão armada, furtos e mais furtos. É, a vida do frutalense não anda nada fácil. Mas essa gama de acontecimentos coloquem a população em alerta e, mais que isso, adotem medidas de segurança cada vez maiores. Infelizmente, gostemos ou não, a cidade sempre passa por ondas de intraquilidade e, pelo visto, estamos para viver mais uma dessas ondas.

==

Sei que a PM sempre dá o melhor de si, mas infelizmente há crimes que não se consegue evitar simplesmente porque não são previsíveis. Mas vale destacar aqui as recentes prisões de suspeitos de tráfico e apreensões de drogas que acontecem toda semana. Agora, para ajudar a combater os outros crimes, sempre é preciso o apoio e participação da população, especialmente por meio das denúncias anônimas.

==

Um outro problema que Frutal vive é a questão da prostituição. Alguns pontos da cidade infelizmente têm sido utilizados por homens em mulheres na oferta de sexo pago. Não sei se há dados, mas não duvido que haja menores envolvidos nessa trama. Vou levantar informações e se conseguir, posto aqui.

==

==

Comments

comments

rodrigoportari

Jornalista, professor universitário, Dr. em Comunicação.

Comentários estão fechados.